O espanhol Marc Coma ganhou etapa do Rally Dakar ampliando liderança na classificação geral

 ktm-coma
Os pilotos brasileiros João Tagino e Dimas Mattos abandonaram o Rally Dakar, após sofrerem acidentes com suas motos no domingo, durante a segunda etapa da prova. Outra desistência entre os representantes do Brasil foi do também piloto Carlos Ambrósio, que deixou a disputa por causa de problemas mecânicos em sua moto.

A poeira fina no domingo, no trecho cronometrado de 237 quilômetros entre as cidades de Santa Rosa de la Pampa e Puerto Madryn, ambas na Argentina, foi a grande vilã dos pilotos brasileiros. No acidente, o estreante João Tagino sofreu ferimentos na bacia, no ombro e no rim, enquanto o experiente Dimas Mattos fraturou o tornozelo. Mas os dois passam bem.

Na primeira etapa do Rally Dakar, que está acontecendo na Argentina e no Chile – é a primeira vez em 30 anos de história que não passa pela África -, João Tagino tinha conseguido o 107º lugar, Dimas Mattos foi o 39º colocado e Carlos Ambrósio terminou na 33ª posição. Mas os três tiveram que abandonar a disputa precocemente.

O piloto espanhol Marc Coma ganhou a terceira etapa do rali, ampliando a sua liderança na classificação geral das motos. Ele já tinha vencido na abertura da prova, no último sábado, e voltou a ser melhor agora, quando completou os 551 quilômetros de trecho cronometrado, entre as cidades de Puerto Madryn e Jacobacci (ambas na Argentina), em 5h18min17.

Anúncios

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: