Roriz não perdoa Gim

De Maria Lima e Gerson Camarotti em O Globo:
“Mais do que com a derrota pela perda do mandato, o ex-senador Joaquim Roriz (PMDB-DF) está irritado com o que considera uma traição de seu primeiro-suplente, Gim Argello (PTB-DF). Recolhido em sua mansão num bairro nobre da capital federal, desde a renúncia, anteontem à noite, Roriz tem recebido a solidariedade de seus aliados políticos e parentes. Já pensa nas eleições de 2010, mas, de imediato, quer notícias de Gim, que até bem pouco tempo era um dos seus mais próximos aliados e que desapareceu desde que foi cogitada a possibilidade de renúncia coletiva para que pudesse haver outra eleição.

Ninguém mais duvida, entre os aliados de Roriz, que o suplente teria sido quem passou à revista “Veja” a denúncia de que o ex-governador do Distrito Federal teria comprado voto de juízes do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) para mudar o resultado de um julgamento. Foi a pá de cal na relação dos dois e que culminou com a renúncia solitária do ex-senador.

— Foi uma truculência muito grande do Gim. Roriz o considerava um amigo leal. Mas que o governador vai dar o troco, ah, isso vai — disse ontem um dos mais fiéis aliados de Roriz na Câmara”.

Anúncios

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: