Mulher de Newton Cardoso diz que foi agredida

marialuciacardoso.jpgA Polícia Civil de Minas vai instaurar inquérito por crime de lesão corporal contra o ex-governador Newton Cardoso (PMDB). Uma queixa criminal foi registrada no Departamento de Investigações (DI), quinta-feira à noite, pela mulher de Newton, a deputada federal Maria Lúcia Cardoso (PMDB), que o acusa de agressão física, depois de um acesso de fúria, na mansão onde vive o casal, no bairro Santa Lúcia, região Centro-Sul da capital.

Como Newton não possui foro privilegiado por prerrogativa de função, o político vai responder as acusações na Justiça comum. Caso seja condenado, pode cumprir de três meses a três anos de prisão em regime fechado. Os dois políticos não foram encontrados ontem para comentar o episódio.

Segundo a assessoria de imprensa deles, ambos viajaram, para lugares distintos, e só vão se manifestar sobre a questão no início da próxima semana.  Leia mais aqui (link aberto)

Fonte: Jornal O Tempo

Anúncios

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: